• Marco Aurélio Júnior

12 características mostram o que os engenheiros de sucesso tem em comum

O que os engenheiros de sucesso tem em comum? A Edifica separou 12 características identificadas em estudos e pesquisas que provam que, em meio à concorrência no mercado de trabalho, e com o objetivo de chamar a atenção para os traços de personalidade que mais contribuem para uma carreira de sucesso, é necessário muito mais do que conhecimento técnico e acadêmico.



Não é de hoje que se busca entender quais são as características de sucesso em engenheiras e engenheiros, com pesquisa sobre o que as empresas procuram nos candidatos. Há 20 anos, em uma pesquisa encomendada pela Escola Politécnica da USP (POLI/USP) com mais de 17 mil empresas do estado de São Paulo, foram identificadas 72 características e entre as de destaque estavam: habilidade para conviver com mudanças, valorização da dignidade/honra pessoal e fidelidade à organização em que trabalha.


Veja a seguir quais são as características principais para aqueles que se formam em Engenharia:


1) Honestidade

Na carreira – e na vida – o profissional deve ter honestidade, inclusive se a situação não trará benefícios individuais ou se o desafio for grande. Dessa forma, é maior a probabilidade de os projetos profissionais e pessoais serem de sucesso.


2) Trabalho em equipe

A capacidade de trabalhar em equipe é primordial em qualquer carreira, e não é diferente na Engenharia. Os desafios de desenvolvimento de um projeto são mais fáceis de serem ultrapassados com um trabalho em conjunto, divisão de tarefas e capacidade de comunicação entre os integrantes. Para uma futura promoção, inclusive para níveis gerenciais, a facilidade de desenvolver um trabalho em equipe é um dos grandes diferenciais do profissional.


3) Pensar “fora da caixa”

Observar todo o cenário, o macro. Um grande diferencial no mercado é o engenheiro que foca não apenas nos pequenos problemas, mas numa análise de como o projeto pode impactar toda a organização, o que possibilita antecipar necessidades e fazer mudanças.

4) Lidar com os riscos

Imprevistos acontecem, e a somatória das influências externas, assim como das fraquezas e dos pontos fortes internos da empresa, tornam imprescindível a habilidade em lidar com os riscos, principalmente para os profissionais da Engenharia.


5) Pensar à frente dos demais

Identificar possíveis problemas, pensar a longo prazo e estar pronto(a) para o inesperado, com “jogo de cintura”, também são diferenciais para os futuros engenheiros.


6) Habilidades de comunicação transparente

O modo de expor problemas e suas soluções, bem como indicar coordenadas no dia a dia para o desenvolvimento de diferentes projetos exige habilidades de comunicação, verbais ou não, para que as mensagens sejam repassadas de maneira objetiva, linguisticamente correta e clara.


7) Credibilidade A confiança é a chave para a construção de um trabalho de qualidade, desde os membros da equipe até os chefes, e para o desenvolvimento de projetos com eficácia.


8) Minimizar o que pode ser considerado complexo

Explicar o projeto e desenvolver os detalhes da maneira mais simples e objetiva possível – tal capacidade é um diferencial entre os profissionais e uma das características mais raras hoje em dia.


9) Desenvolvimento das características da equipe

Em função de liderança, é fundamental que o profissional saiba quais são os pontos fortes e fracos de cada integrante da equipe, podendo direcionar o trabalho, dividir as atividades entre cada um, conforme suas características.


10) Objetivos realistas

Mesmo com a ambição – no melhor sentido da palavra – de atingir metas, é fundamental que os objetivos dos profissionais, além de estarem alinhados ao direcionamento da empresa em que trabalham ou da carreira que possuem, sejam também realistas, para encorajarem todos os membros de uma equipe e, ao mesmo tempo, possibilitarem resultados efetivos.



11) Utilização dos conhecimentos

Para além de todo o conhecimento acadêmico e técnico que os engenheiros possuem, é muito importante saber utiliza-lo. Para isso, a organização e o planejamento, assim como a troca de informações e experiências entre os profissionais apenas têm a ajudar.


12) Proatividade

Em muitas situações é necessário tomar decisões por sua própria conta, a partir dos conhecimentos e experiências, e decisões essas que muitas vezes são fundamentais para o desenvolvimento das atividades da empresa ou do ramo. Ter iniciativa, agir para a resolução de um problema ou para a sugestão de uma solução são algumas das características mais esperadas dos profissionais.

52 visualizações

© 2016 por Edifica Consultoria.

  • Instagram - Cinza Círculo
  • Facebook - círculo cinza
  • LinkedIn - círculo cinza